19 de Abril, Dia do Índio

Hoje é Dia do Índio. Procurei nos principais jornais, e nada. Olhei na Internet, nada. Ninguém lembrou. Estranho, será que ainda ensinam na escola que 19 de Abril é Dia do Índio?

Eu nunca esqueci da data por causa da música da Baby Consuelo (agora Baby do Brasil), que cantava no refrão que “todo dia era dia do índio, mas agora eles só têm o dia 19 de abril”.

Até perguntei hoje se alguém lembrava que era Dia do Índio. Mas ninguém lembrou, e ainda acharam esquisito que houvesse um dia desses.

Então eu fucei nas internetes e achei a musiquinha da Baby para vocês ouvirem e não mais se esquecerem, tá?

Segue a letra, bem atual para uma música composta nos anos 80…  🙂

Todo Dia Era Dia de Índio

Baby do Brasil

Composição: Jorge Ben

Curumim, chama cunhatã
Que eu vou contar

Curumim, chama cunhatã
Que eu vou contar

Todo dia era dia de índio
Todo dia era dia de índio

Curumim, Cunhatã
Cunhatã, Curumim

Antes que o homem aqui chegasse
Às Terras Brasileiras
Eram habitadas e amadas
Por mais de 3 milhões de índios
Proprietários felizes
Da Terra Brasilis

Pois todo dia era dia de índio
Todo dia era dia de índio

Mas agora eles só têm
O dia 19 de Abril

Mas agora eles só têm
O dia 19 de Abril

Amantes da natureza
Eles são incapazes
Com certeza
De maltratar uma fêmea
Ou de poluir o rio e o mar

Preservando o equilíbrio ecológico
Da terra,fauna e flora

Pois em sua glória, o índio
É o exemplo puro e perfeito
Próximo da harmonia
Da fraternidade e da alegria

Da alegria de viver!
Da alegria de viver!

E no entanto, hoje
O seu canto triste
É o lamento de uma raça que já foi muito feliz
Pois antigamente

Todo dia era dia de índio
Todo dia era dia de índio

Curumim, cunhatã
Cunhatã, curumim

Terêrê, oh yeah!
Terêreê, oh!

Okê Caboclo!

Na Umbanda, a linha espiritual que se apresenta sob o arquétipo indígena é chamada de Caboclos. Os caboclos são regidos pelo Trono Masculino do Conhecimento, para nós o Orixá Oxóssi.

Caboclos sabem como ninguém quebrar magias, falar sobre o divino, curar. Parecem conhecer sobre tudo e atuar em todos os campos. Têm grande sabedoria, e na Umbanda são tidos como uma das linhas de maior evolução.

Sua cor é o verde, sua principal pedra é o quartzo verde. Gostam de frutas, e de tudo mais que vem da natureza.

Segundo o ponto cantado que eu mais gosto, “para a sua vida melhorar, e nunca lhe faltar o que comer, acenda uma vela lá nas matas para Oxóssi, e peça que ele vem lhe socorrer”.

É assim – Oxóssi é pai da expansão, do conhhecimento, e da abundância decorrente disso tudo.

Feliz Dia do Índio!

Okê arô! Okê caboclo!    

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s