Não se fazem mais crianças como antigamente

Cena: eu, sentada à mesa tomando chá com pão e queijo mussarela (que eu adoro de paixão). Belah correndo pra lá e pra cá. De repente, ela pára (desculpem-me os adeptos da nova ortografia, mas acento diferencial é vital para mim) e fica me olhando e rindo.

[eu] – Belah, quer queijo, filha?

[Belah, rindo e balançando a cabeça negativamente] – Não, não…

[eu, achando que ela estava fazendo charminho] – Tem certeza?

Silêncio.

[eu, enfiando o pedaço de queijo na boca] – Tá bom, então eu vou comer tudo.

[Belah, dando um risinho de canto de boca que lhe provoca covinhas] – Gôda…

Traduzindo: ela me chamou de gorda… assim, na cara dura.

É, não se fazem mais crianças como antigamente. Case Closed.

Anúncios

2 pensamentos sobre “Não se fazem mais crianças como antigamente

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s