As Cartas de Cristo – Parte 41

Carta 3 – Parte 5 – A PERCEPÇÃO DO “REINO DE DEUS”

(clique para ler no site do STUM)

Várias vozes elevaram-se, pedindo-me que ensinasse o significado do “Reino de Deus”.

— O que estou dizendo a vocês não é o mesmo que ouviram de qualquer outro profeta em qualquer tempo. Não tentem entender o que digo pensando no que disseram seus Mestres. Eles podem somente repetir o que está nas Escrituras e não possuem nenhum conhecimento pessoal do Reino de Deus ou do Céu. Deus não está contido em nenhum lugar, mas está em todas as partes, como estão os céus e o ar sobre vocês. A Santa Palavra pronunciou a verdade quando disse “em Deus você vive, se move e tem o seu ser”. Pois o Reino de Deus está acima, ao redor e também dentro de vocês – e vocês podem entrar no Reino de Deus.

As pessoas exclamavam com impaciência:

— Mas, o que é isso!?

— É um estado de mente e de coração no qual você está plenamente possuído por “Deus” – seu “Pai”. Quando você está nesse estado, o “Pai” é a cabeça de seu corpo e dirige tudo o que você faz e toda a sua vida.

Algumas pessoas resmungavam:

— Como isso é possível?

— É possível estar tão vazio do “eu” – de desejos egoístas, inimizades, raivas, ciúmes, cobiça, de desejos de vingança, que somente “Deus” fique no controle de sua mente e de seu coração.

— E depois, o que acontece? – perguntou uma mulher.

— Então você entra no “Estado de Ser” que é “dirigido por Deus”. Isto é totalmente belo e glorioso. É amor, é generosidade, é cuidar dos demais como cuida de si mesmo, é não julgar, pois você aceita os outros tal como são, sabendo que também são filhos de “Deus” e que estão igualmente sob o cuidado do “Pai”. É felicidade sem medida, impossível de descrever, é sentir alegria pela beleza do mundo, é vida sem limite e energia aumentada, é saúde e é a satisfação de cada uma de suas necessidades mesmo antes de tê-las.

Por que os Rabinos não nos contam estas coisas? – diziam várias pessoas reclamando.

— Porque só eu vi o “Pai”, somente eu sei como se fizeram o mundo e as Leis da Existência. E porque eu sei todas estas coisas, vocês podem vir a mim e perguntar-me e eu revelarei tudo o que me foi dado. Digo a verdade – aqueles de vocês que creem, compreendem e buscam colocar minha palavra em prática a cada dia serão salvos da atribulação que a humanidade suporta. Vocês sofrem porque não entendem como foram criados e os verdadeiros propósitos para o qual nasceram. Vocês nasceram para serem filhos e herdeiros do “Pai”. Mas vocês viram as costas a toda a glória do Reino e tentam encontrar prazer nas coisas terrenas. Enquanto fizerem isto, nunca encontrarão o Reino de Deus, não entrarão no Reino dos Céus.

— Como entraremos no Reino?

— Eu já disse. Vocês entrarão no Reino dos Céus quando se arrependerem de tudo o que vocês são em seus corações e mentes. Quando vocês levarem sua maldade ao “Pai” e pedirem perdão e força para serem limpos de seus pensamentos, palavras e atos malignos e finalmente os abandonem todos; então poderão ter certeza de que estarão prestes a encontrarem o Reino dos Céus. Quando alcançarem isso, perceberão que sua atitude para com os outros estará mudando, pois o “Pai” estará fazendo seu Trabalho Amoroso em seu interior. Vocês estarão livres das correntes e amarras dos desejos e atos malignos que antes os aprisionavam e os faziam cativos no mundo. Mais do que isso, compreenderão que o “Pai” satisfaz todas as suas necessidades.

Uma mulher exclamou:

— Mestre, tenho uma necessidade agora mesmo, tenho fome.

As pessoas riram, mas então várias vozes uniram-se à sua, dizendo:

— Estamos com você há muitas horas, nos fez andar e andar antes de consentir em nos ensinar. Nós demonstramos que somos boas ovelhas. Não nos ajudará a saciar nossa fome?

Percebi que diziam a verdade e senti uma profunda compaixão para com elas. Tinham me seguido não só para que as curasse, mas também porque tinham o anseio de saber a Verdade como tinha sido me dada pelo “Pai”. Eu tinha dito que o “Pai” satisfazia todas as suas necessidades. Esta seria uma oportunidade para mostrar o poder da fé e o Poder que é “Deus”. Mostraria a elas que nada é impossível quando verdadeiramente se acredita como eu acreditava e percebia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s